Olá,
gostaria de ser atendido
no Consórcio Tradição!

Home / Blog / Imunidade: saiba como fortalecer

Imunidade: saiba como fortalecer

Melhore sua imunidade em tempos de pandemia

Quando pensamos em saúde, um assunto que ganha muito destaque é o fortalecimento da imunidade. Se no dia-a-dia estamos expostos a qualquer tipo de doença, imagina em tempos de pandemia do Covid-19.

O que é imunidade?

De uma forma simples e resumida, o sistema imunológico nada mais é do que uma defesa do organismo contra agentes infecciosos. Ou seja, é um conjunto de células de defesa e tecidos especiais que é responsável por proteger nosso corpo contra bactérias, vírus e outros micro-organismos nocivos presentes no ar.

Os sinais da imunidade baixa:

A baixa imunidade é uma das principais causas de doenças nas pessoas. Se você constantemente sente gripes e resfriados, por exemplo, isso quer dizer que o seu organismo não está produzindo células de defesa do corpo.

Alguns sinais da imunidade baixa são: infecções constantes, cansaço excessivo, vômitos, diarreia e náusea e febre e calafrios.

Nesse atual estado de pandemia do Covid-19, é necessário que tenhamos mais cuidados com a nossa imunidade e algumas práticas podem ser essenciais para nos ajudar com isso, veja abaixo:

1-Alimentação:

Não existe nenhum alimento ou vitamina capaz de combater o novo corona vírus, porém alguns alimentos que ingerimos podem fortalecer o nosso sistema imunológico.

O bom funcionamento do sistema imunológico ajuda a combater infecções, mas não dificulta a contaminação em si. Ajudando nosso organismo a se defender da infecção.

O infectologista Eduardo Tosta diz em seu artigo que alguns alimentes são fortalecedores da imunidade:

limão para aumentar a imunidade

Limão

Rico em vitaminas (A, B1, B2, B3, B6, B9, C e E), sais mineirais (ferro, potássio, cálcio, magnésio, sódio, fósforo, boro, manganês, cobre, flúor, zinco e molibdênio) e compostos biativos (principalmente na casca: hesperidina, eriocitrina, diosmina e roifolina). O limão possui comprovada ação reguladora da imunidade (imunomoduladora), anti-inflamatória, antioxidante, analgésica, ansiolítica, antialérgica, antibacteriana, antifúngica e antiviral (a roifolina bloqueia a atividade do coronavírus SARS-CoV e a hesperidina e a diosmina têm potencial para atuar sobre o COVID-19). O limão deve ser consumido como suco e sua casca ralada (depois de bem lavadas) usada em vários pratos salgados e doces.

Cúrcuma para fortalecer a imunidade

Cúrcuma

Seu principal composto ativo, a curcumina, apresenta poderosa atividade imunomoduladora, anti-inflamatória, antioxidante, neuroprotetora,cardioprotetora nefroprotetora,pneumoprotetora (pulmão), hepatoprotetora, antitumoral, antibacteriana, antifúngica, antiparasitária e antiviral (hepatites B e C, herpes simplex, coxsackie B3, HIV, papiloma, encefalite japonesa e coronavírus SARS-CoV).

Aveia para aumentar a imunidade

Aveia

É fonte de proteínas de alta qualidade, minerais (cálcio e ferro) e vitaminas (B e E) e de dois compostos bioativos importantes: a glucana beta e a avenantramida. A glucana beta é poderoso composto imunoestimulante e 4 p. 4 aumenta a resistência contra infecções por bactérias, vírus, fungos e parasitos e a avenantramida possui atividade anti-inflamatória e antioxidante.

açai para aumentar a imunidade

Açaí

A velutina e outros compostos flavonoides, antocianinas e carotenoides do açaí apresentam atividades imunomoduladora, antiinflamatória, antioxidante, analgésica, hepatoprotetora, nefroprotetora, pneumoprotetora, cardioprotetora, antilipêmica, neuroprotetora, antidiabética, antidepressiva, antitumoral, antibacteriana, antifúngica e antiparasitária. A possível atividade antiviral ainda não foi testada.

Linhaça para aumentar a imunidade

Linhaça

Os lignanos, principais compostos bioativos da linhaça, apresentam atividade imunomoduladora, anti-inflamatória, antioxidante, antibacteriana e antifúngica. A herbacetina, outro composto bioativo, possui possível atividade contra o coronavírus MERS-CoV. Para destruir possíveis efeitos tóxicos das sementes de linhaça, é conveniente aquece-las em forno de micro-ondas a 100ºC por 1 minuto antes do consumo.

Informações retiradas do artigo do infectologista Eduardo Tosta. Clique aqui para conferir completo.

2- Exercício Físico:

Praticar exercícios físicos auxilia a saúde mental e fortalece a saúde física. É importante ressaltar que, com o isolamento social sendo recomendado, as atividades devem ser realizadas no ambiente residencial.

Quando ocorrerem em espaços abertos (como ruas, praças etc.), não devem ser realizadas em grupos e nem promover a interação social.

Algumas opções são ver tutoriais de dança e imitar os movimentos do vídeo, descer e subir escadas, caminhar pelo quintal – o importante é se mexer!

3- Sono regular:

Um sono irregular também compromete o seu sistema imunológico. Ter uma boa noite de sono ajuda na renovação das células e promove um equilíbrio maior dos hormônios, responsáveis por prevenir doenças infecciosas.

É recomendado que um indivíduo adulto tenha de 7 a 8 horas de sono por noite. De acordo com o Doutor Drauzio Varella, algumas dicas para isso são:

  • Evitar de ingerir álcool e bebidas ou alimentos que possuem cafeína no período noturno;
  • Tenha uma rotina e procure dormir sempre no mesmo horário todos os dias;
  • Procure deixar o ambiente em uma temperatura agradável;
  • Se alimente 3 horas antes de se deitar para que a digestão seja feita; e
  • Leia um livro, escute músicas relaxantes ou atividades tranquilas, caso não consiga pegar no sono em 30 minutos.

4- Consumo de álcool e tabaco

De acordo com estudos realizados no “Instituto Norte-Americano de Alcoolismo e Abuso do Álcool (NIAAA, sigla em inglês)” o consumo excessivo de bebidas alcoólicas enfraquece nosso sistema imunológico, deixando o corpo mais propenso a contrair doenças.

Nesse tempo de isolamento social cada um atua de diferentes maneiras, porém é comum ficarmos um pouco confusos com nossas sensações, e isso pode vir a afetar nossa saúde mental.

Sabemos que o isolamento social é difícil e pode gerar o aumento do stress e falta de paciência, mas existem algumas atitudes que podemos tomar durante o dia para o bem da nossa saúde mental.

A meditação, leitura de livros, ouvir músicas que goste, rever um filme de infância ou assistir um filme sobre um assunto que você tenha interesse!

O importante é tirar um tempo para você! Diminua a pressão sobre você mesmo, para os dias de isolamento se tornarem mais leves e fáceis de lidar.

Fonte: https://dasa.com.br/coronavirus

Quer saber como comprar seu carro? Com o Consórcio de carros Tradição você pode. Saiba mais aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 3 =